quarta-feira, 29 de março de 2017

O Pátria amada !

O pátria amada, idolatrada, salve!, salve ?
Salve o jorge!

Povo forte, povo nobre
nesse cabo de guerra, a corda só arrebenta
pro lado de quem é pobre

A TV mostra o retrato
Num noticiário fragmentado
Visto que é abstrato
E o povo aceita calado
Gratos, pelo deputado,
que acena lisonjeado.
mas faltando comida no prato

Presidente, Deputado
Governo e Senador
nem se quer sabe o valor
de um dia de trabalho
Do pobre trabalhador.




6 comentários :

  1. ficou bacana! Você soube trabalhar bem as palavras, as rimas não são pobres e a crítica política está perfeita. Gostei mesmo!

    ResponderExcluir
  2. Olá, adorei a poesia...e principalmente a crítica!

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Ameeei!
    Poesia + Crítica = me ganha na hora. Perfeito para o momento pelo qual estamos passando.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Olá... tudo bem???
    Achei bem viável este seu texto pelo que estamos passando e realmente essas "autoridades" não sabe nem de perto como é o dia de um trabalhador... porque se soubesse nos valorizaria demais... enfim... não costumo falar muito deste tema porque me irrita profundamente, mas eu adorei seu texto direto e reto! Xero!!!

    ResponderExcluir
  5. Que lindo, na verdade um pouco doloroso. E concordo com a relação de desconhecimento de quem esta no poder para com quem precisa trabalhar.
    Adorei, sensivel e brutal.

    ResponderExcluir
  6. Muito boa a poesia!
    Descreve perfeitamente nossa infeliz realidade.
    Parabéns e que nossa situação possa mudar, não é?

    ResponderExcluir